Sistema de matrículas da Sedu é alvo de críticas de Majeski


O deputado Sergio Majeski (PSDB) usou seu tempo durante a Fase das Comunicações, na sessão desta terça-feira (14), para criticar o novo sistema online de matrículas da Secretaria de Estado da Educação (Sedu). O problema, segundo o tucano, ficou encoberto em virtude da crise na segurança pública estadual.

“Foi criado um sistema maluco e ninguém podia fazer (matrícula) na escola. Faz-se política educacional no Estado de modo fantasioso. Parte das famílias não tem acesso à internet, o sistema se mostrou ineficiente para dizer o mínimo. As aulas voltaram e o problema não foi resolvido. Tem pessoa que mora em Vila Velha e foi matriculada em Carapina”, disse.

Majeski lembrou que a legislação determina que as crianças e adolescentes devem estudar próximo de suas respectivas residências. “Esse problema foi encoberto pela crise na segurança, mas a Sedu não colocou ainda as crianças na escola certa. É provável que uma grande quantidade de adolescentes fique sem estudar porque a maioria não tem gratuidade integral no transporte público”, concluiu.

Confira o discurso do deputado:


Assessoria de Imprensa

Fiorella Gomes

#matrículas #SEDU #Educação #SergioMajeski

0 comentário