Majeski se opõe a PEC 241, do Governo Federal



O deputado Sergio Majeski se opôs à PEC 241, de autoria do Governo Federal, que põe um teto nos gastos públicos e congela as despesas por 20 anos. Da tribuna da Assembleia Legislativa, o parlamentar afirmou que o exemplo de corte deve partir de cima para baixo, visando acabar com regalias e penduricalhos, antes de chegar ao povo.

Majeski lembrou que antes de se tornar presidente de fato, Michel Temer (PMDB) prometeu acabar com milhares de cargos comissionados, mas, ao contrário disso, acabou criando novos cargos. Outra promessa não cumprida foi a extinção de ministérios.

“Não adianta tentar convencer a população de que isso é ideal, quando não se vê os cortes onde eles deveriam existir ocorrendo. O governo e o Congresso deveriam dar o exemplo para a nação provando por A mais B que reduziu gastos e que agora a sociedade precisa fazer o mesmo”, avaliou.

Como exemplo, Majeski citou que desde que assumiu como deputado economizou R$ 700 mil de verba e folha de pessoal de gabinete.

Confira o discurso do deputado:


Assessoria de Imprensa Fiorella Gomes

#Ales #assembleialegislativa #Governo #PEC #PEC241 #PECdaMaldade #MichelTemer #Majeski

© Sergio Majeski 

Todo o nosso material é livre para compartilhamento, reprodução e divulgação, desde que seja citada a fonte: sergiomajeski.com.br

Planejamento Estratégico, Site, Planejamento Digital  - Thaís Aguiar

Política de privacidade

  • whatsapp_edited
  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube - Black Circle
  • Instagram